O seu navegador está desatualizado.

O Internet Explorer deixou de ser suportado. Por favor, utilize outro navegador, para uma melhor qualidade do website.

Encontrar o feeling certo

abr 2022

notícias e ações

Início da época com a moto

Muitos motociclistas já se encontram na grelha de partida para, finalmente, arrancarem de novo após a longa pausa invernal. No entanto, com o início da estação, também a sinistralidade sobe em flecha. "Na primavera, o número de acidentes de moto volta a aumentar fortemente, alcançando o seu máximo nos meses de verão", explica Luigi Ancona, investigador de acidentes e especialista em motociclos da DEKRA. "Durante o inverno, não se deixa de saber conduzir uma moto, mas acontece o mesmo que na primeira descida de um esquiador: antes de mais, é preciso 'ganhar-lhe o jeito' de novo e voltar a sentir a máquina. Com que intensidade ela acelera ou abranda, qual a distância de que necessito, como virar ou contrabrecar a moto na curva?" Por tudo isto, a primeira viagem não é apropriada para se deixar logo levar pela euforia. "É melhor avançar calmamente", aconselha o especialista.

Na opinião de Luigi Ancona, é sempre vantajoso para qualquer pessoa fazer o aquecimento numa zona protegida e atualizar as competências básicas: desviar-se, travagem em caso de perigo, condução em slalom, condução estacionária em circuito – todas componentes do exame prático de condução. "Idealmente no início da estação, é possível fazer um refrescamento destas manobras com um curso de condução defensiva." Em especial as muitas pessoas que voltam a descobrir a moto após uma pausa por motivos profissionais ou familiares – justamente também durante a pandemia – poderão beneficiar deste curso de condução defensiva.

"Simplesmente não é possível retomar onde se ficou há anos ou décadas", salienta o especialista em motociclos. "Quanto mais tempo passar desde o período ativo, mais importante se torna atualizar sistematicamente as técnicas de condução e a sensação da máquina." Um pouco de autocrítica também pode ajudar. A minha condição física alterou-se? Qual é a situação no que respeita ao desempenho e à capacidade de reação? Muitas vezes, o domínio da máquina já não é tão descontraído como em anos passados. Em alguns casos, coloca-se até a questão: a moto dos tempos de juventude ainda combina com as costas atormentadas ou será que, em última instância, uma confortável cruiser não promete mais prazer?

Quem desejar incluir uma moto nova nos seus planos deve, sem falta, ter em consideração o tema ABS. É obrigatório para modelos novos desde 1 de janeiro de 2016 e oferece um grande acréscimo de segurança. Por último, mas não menos importante, também a máquina requer uma verificação técnica no início da época. A verificação dos travões, pneus e níveis de fluidos, incluindo o controlo da eletrónica relevante para a segurança baseado no diagnóstico de bordo são imprescindíveis. Falta apenas inspecionar o fato combinado, os protetores, botas, luvas e a viseira do capacete.

Partilhar página